quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Aspectos da Geografia Humana do Brasil. Série Geografia do Brasil IV

Essa série de posts visa contribuir com alunos que estão cursando principalmente o segundo ano do ensino médio, não que o assunto não seja útil a outros anos, mas o que vocês verão aqui é o resultado de um material que foi preparado como breves notas de aulas para um determinado segundo colegial.Como sempre, alerto meus alunos, não se trata de nada acabado, são apenas notas que lhes direcionarão para pesquisas mais abrangentes.A referência bibliográfica estará disponível num elemento de página na barra lateral do vídeo.

Boa leitura!

Aspectos da Geografia humana no Brasil.

A Geografia é uma ciência humana por essência, essa parte é resultado da divisão pela qual optamos para executar tal trabalho, que exige a maior concisão possível.
Trataremos aqui das matrizes étnicas que formaram o país e dos aspectos ligados à população.
Matrizes étnicas iniciais que formaram a população brasileira.
O negro, o índio e o branco.
Inicialmente as terras onde hoje está o Brasil eram habitadas por povos de diversas etnias chamados de índios. Os índios compunham várias tribos com idiomas, costumes e modos de sentir, pensar e agir que apresentavam diferenças, não era um todo homogêneo, era antes, um complexo de povos que foram subjugados pelos portugueses.
Quando os portugueses começaram a ocupar o território houve as primeiras miscigenações entre brancos (principalmente portugueses) e os índios. Posteriormente, por volta do século XVII, começaram a chegar os primeiros escravos negros e a miscigenação começa a ocorrer entre as três matrizes. Essa miscigenação entre negros, brancos e índios formou a base da população brasileira.
Posteriormente vários povos foram chegando ao território Brasileiro, algumas vezes com incentivo governamental como a colonização dos territórios do sul do Brasil e a cafeicultura. Os chamados ciclos econômicos que necessitavam de mão-de-obra e foram em grande parte responsáveis por grandes entradas de migrantes no Brasil.
O Brasil acabou recebendo muitos imigrantes pelos motivos que expomos. As regiões sul e sudeste foram as que mais receberam. Dentre os principais grupos estão: portugueses, italianos, espanhóis, alemães, açorianos, japoneses e árabes.

População brasileira.
A população brasileira passou por significativas mudanças a partir da segunda década do século XX. De essencialmente rural tornou-se majoritariamente urbana.
Esse fator, dentre outros, alterou a estrutura da população. A entrada da mulher no mercado de trabalho, métodos anticoncepcionais, alto custo na criação dos filhos, diminuição do crescimento vegetativo, etc. Apesar dessas mudanças a população brasileira passou de 52 milhões em 1950 para 170 milhões em 2000. Atualmente (2009) o Brasil possui aproximadamente 192 milhões de habitantes.
Uma mudança importante na população brasileira é a composição da população por idade. O número de idosos vem aumentando consideravelmente, o número de jovens, apesar de alto, tende a diminuir e a população adulta já é a maioria:
*Jovens 40,17%; o grande número de jovens aponta para a necessidade de investimentos em educação e saúde.
* Adultos 51,27%; pode provocar excessiva oferta de mão-de-obra causando baixos salários, subemprego e desemprego.
* Idosos 8,56%; apesar de baixo esse percentual tende a crescer, onerando a previdência, aumentando os investimentos em saúde e adequando os equipamentos sociais para incluir a população mais idosa.
Série do Brasil III. Bases Físícas do Brasil.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Não encontrou o que queria? Pesquise na web.

Pesquisa personalizada