terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Principais conflitos da atualidade.

Como o fim da União Soviética os conflitos, até certo ponto, deixaram de ser entre grandes potências, hoje, com mais frequência, eles surgem por razões étnicas e econômicas. Muitas vezes em forma de guerra civil. Esse tipo de conflito e mais evidente na África e na Ásia.
Vejamos os principais conflitos.
Ásia.
Chechênia - uma pequena república onde a maioria da população é mulçumana e tenta ser independente da Rússia.
Geórgia - Movimentos separatistas causam tensão na região, envolve os territórios da Ossétia do Sul e da Abkházia, reivindicados e disputados pela Geórgia e pela Rússia.
Turquia - o PKK (Partido do Curdiquistão) não raro se envolve em lutas armadas contra o governo turco.
Afeganistão - um dos focos mais tensos de conflito da atualidade, tropas lideradas pelos EUA estão na região desde 2001, não há bons presságios para que o conflito termine de forma satisfatória.
Iraque - outro grande foco de tensão, o país foi invadido em 2003, passando por cima de decisões da ONU, já ocorreram na região mais de 6 mil atentados.
Sri Lanka - há uma grande tensão que envolve conflitos armados entre cingaleses e tâmeis desde 1983.
Índia e Paquistão - ambos são potências nucleares e disputam a região conflituosa da Caxemira.
Israel e Palestina - um conflito histórico, desde a fundação de Israel em 1948 os árabes islâmico da Palestina reivindicam a criação de um território.
África.
Darfur - uma região do Sudão onde conflitos provocaram mais de 300 mil mortes e milhões de refugiados.
Costa do Marfim - há tensão étnica entre cristão e islâmicos que se envolvem em constantes confrontos desde 2002.
República Democrática do Congo - hutus e tutsis são grupos rivais que sempre se envolvem em conflitos, existem também uma disputa pelas riquezas minerais da região.
Somália - há 15 anos o país enfrenta disputas entre clãs rivais que desestabilizam o governo.
América - a região mais tensa da região é na Colômbia, onde atuam grupos revolucionários de esquerda, FARC e ELN, grupo paramilitar de extrema direitas AUC e o governo, já aconteceram váris sequestros e atentados.
Referência:
Atualidades. Editora Abril, 2009.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Não encontrou o que queria? Pesquise na web.

Pesquisa personalizada