quinta-feira, 16 de agosto de 2012

As marcas da tecnologia nas multinacionais e sua repercussão na produção científica.

Imagem:envieimagens.com Via:Blog do Prof. Marciano

Depois da 2ª Guerra Mundial os antigos trustes tornaram-se as multinacionais (ou transnacionais) que são empresas presentes em vários países do mundo através de filiais ou franquias.
Essas grandes empresas costumam comprar outras, ou se fundirem, formando assim os chamados conglomerados. Isso ocorreu principalmente após a segunda guerra, pois o capitalismo vivia um excelente estágio de poder econômico, características que de certa forma permanece até os dias de hoje.
Muitas multinacionais faturam mais que alguns países pequenos, o lucro obtido por essas grandes empresas normalmente é investido em pesquisa e desenvolvimento, assim elas desenvolvem novos produtos e os introduz no mercado, o resultado quase sempre acaba sendo mais lucros e mais investimento. Dessa forma, cria-se um ciclo de domínio tecnológico e distributivo de determinados produtos que estão presentes no mercado mundial, criam hábitos e costumes como podemos notar nas redes de fast food e nos grandes supermercados.
Essa inovação tecnológica muitas vezes é feita via centros de pesquisas de países desenvolvidos, às vezes instituições estatais que recebem verbas ou patrocínios para pesquisas provenientes de multinacionais.
Notem no texto abaixo mais características das multinacionais.

“As empresas transnacionais são elementos centrais da globalização. Essas corporações estendem suas redes produtivas, comerciais e administrativas por diversos países. Mas, de modo geral, a maior parcela de seu patrimônio encontra-se nos países-sede. Três quartos do patrimônio das maiores transnacionais norte-americanas estão nos Estados Unidos. Como regra, apenas as transnacionais sediadas em países com pequena população e mercado interno limitado – como a Suíça, a Suécia, os Países Baixos ou a Bélgica – mantêm a maior parte do seu patrimônio no exterior.” (MAGNOLI, Demétrio; ARAUJO, Regina. p. 377)

Os centros de decisões dessas empresas localizam-se nos países sedes, sendo que, os seus altos funcionários, ocupam cargos de importância estratégicas nesses países ou mantém pessoas que possam legislar a seu favor.

Atividades, segundo as explicações em aulas e conforme o texto, executem:

1. Definam multinacionais.
2. Como as multinacionais formam conglomerados?
3. A maior parcela do patrimônio das multinacionais encontra-se nos países-sede. Existe exceção? Explique dando exemplos.
4. Estabeleçam uma relação entre tecnologia, produção científica, lucro e multinacionais.
Referência:
MAGNOLI, Demétrio; ARAUJO, Regina. Geografia: a construção do mundo. São Paulo: Moderna, 2005.

Obs.: se preferirem baixar esse texto clique AQUI.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Não encontrou o que queria? Pesquise na web.

Pesquisa personalizada